logo paraiba total
logo paraiba total
Foto: Divulgação

Desenvolvimento fecha parceria com Amazon para impulsionar exportações de MPME brasileiras

Acordo integra os esforços da Política Nacional de Cultura Exportadora (PNCE) para ampliar e diversificar o perfil dos exportadores do país

3 de julho de 2024

A Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (Secex/ MDIC) e a Amazon Brasil firmaram nesta terça-feira (2/7) um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) com o objetivo de fortalecer a cultura exportadora entre os empreendedores brasileiros e facilitar o acesso ao mercado internacional, especialmente para micro, pequenas e médias empresas (MPMEs).

O acordo prevê diversas ações conjuntas para alcançar esse objetivo, como:

Treinamentos online sobre exportação via comércio eletrônico: vendedores brasileiros terão acesso a aulas ao vivo e materiais educativos sobre o tema.

Suporte aos vendedores: a empresa oferecerá serviços de suporte para auxiliar os vendedores na exportação de seus produtos.

Conteúdo online para MPMEs: a empresa disponibilizará conteúdos informativos sobre exportação para serem compartilhados pela Secex com empresas interessadas.

Mesa redonda com mulheres exportadoras: será realizada uma mesa redonda virtual para discutir os desafios e oportunidades das mulheres que exportam seus produtos por meio da empresa.

A secretária de Comércio Exterior, Tatiana Prazeres, celebrou a realização do acordo, que. “A promoção das exportações brasileiras é fundamental para o crescimento do país, e a parceria com o setor privado é crucial para alcançarmos esse objetivo. Espero que outras empresas também se juntem a este grande esforço de mobilização que estamos promovendo por meio da PNCE.”

Daniel Mazini, presidente da Amazon no Brasil, também ressaltou a importância do acordo: “Estamos muito entusiasmados em trabalhar com a Secex para incentivar as exportações das empresas brasileiras. Acreditamos que a internacionalização é fundamental para o crescimento das MPMEs e para o fortalecimento da economia do país.”

Com seus mais de 78 mil vendedores parceiros no Brasil, sendo 99% MPMEs, a Amazon já oferece um programa de Vendas Internacionais, que visa facilitar o acesso das empresas brasileiras ao mercado internacional. “Mais de 4% desses vendedores exportam seus produtos por meio do nosso programa”, ressaltou Mazini. Com o novo acordo, a empresa espera ampliar ainda mais seu apoio aos empreendedores brasileiros que desejam exportar seus produtos.

Estudos realizados pela SECEX em 2023 demonstram que as empresas exportadoras brasileiras geram mais empregos, pagam melhores salários e são mais inovadoras, produtivas e competitivas. Além disso, a exportação contribui para a geração de externalidades positivas para outros setores da economia.

Secex e Amazon se reunirão a cada seis meses para avaliar o andamento das ações e identificar novas oportunidades de colaboração.

Edital

A parceria se deu a partir de um chamamento público aberto pela Secex (nº 02/2023), em 4 de dezembro de 2023, por meio do qual a empresa propôs uma série de ações para contribuir com o estímulo à exportação por empresas brasileiras. A comissão de seleção, conforme estabelecido no edital, avaliou o cumprimento das exigências de regularidade e da proposta enviada e a selecionou para a celebração do acordo.

Trata-se de modelo de chamamento permanente (não concorrencial), sem transferência de recursos entre os envolvidos. Dessa forma, toda empresa interessada pode apresentar suas propostas para apoiar a Política Nacional de Cultura Exportadora – PNCE. Todos os detalhes estão no edital.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços